NOO




O carioca multi-talento Chico Dub, assina ao lado produtora cultural Tathiana Lopes, a segunda edição do Festival Novas Frequências, que acontece entre os dias 4 e 9 dezembro, no Rio, e no dia 8 de dezembro em São Paulo, tamanho o sucesso da primeira edição. E, como é de se esperar, a programação mantém seu caráter inovador no calendário cultural.

O evento traz uma programação de vanguarda de novas tendências, dessa vez, com foco na presença forte de mulheres na cena musical. Depois de ficarem bem à margem da produção, essas artistas, produtoras, DJs, e artistas solo, ganharam um espaço sob os holofotes. Mas no fim, o festival ressalta a importância da questão auditiva, já que estamos vivendo um mundo saturado de imagens resgatando o ‘som pelo som’.

Chico Dub sempre gostou de música fora do quadrado, descobriu o dub na adolescência após passar por uma fase metaleira. Já foi publicitário, DJ, produziu o Multiplicidade e participou da produção do premiadíssimo ‘Dub Echos’, documentário que traça as origens da música dub jamaicana. O Novas Frequências surgiu para cobrir o espaço que faltava na música.

O festival, ou ‘fine arts da música contemporânea’ como batizado pelos seus realizadores, inclui oito atrações, sendo sete delas internacionais. É a primeira passagem dos artistas em solos tupiniquins, porém suas carreiras já são reconhecidamente promissoras, afinal alguns deles já estamparam publicações de peso que tem como foco o universo de novos gêneros musicais, vide The Wire, Pitchfork, The Fader. A exclusividade que o Novas Frequências oferece, tanto aos artistas quanto aos públicos, é uma resposta à caretice dos grandes festivais e sua dependência nos dinossauros.

As irmãs americanas que formam o duo Prince Rama vão abrir o festival. Depois disso o instrumentista espanhol, Lenticular Clouds assume o palco, assim como a jovem estoneana Maria Minerva, a novaiorquina Julianna Barwick, e Cadu Tenório para representar a nova cena da música carioca. O duo de Hype Williams radicado em Londres, Actress, que como Dub descreve, um dos mais difíceis de ser rotulado dessa edição, e o produtor alemão Stefan Betke aka pole vão fazer a ponte aérea para se apresentarem também na capital paulista.

Para o futuro, esperam-se mais edições, mais artistas, e mais locais, fator que é permitido pelo tamanho do evento. São muitas as ambições de Chico para o festival, até no que diz respeito à programação. Ele sonha com um festival seguindo uma rota pela cidade em locações diversas que variam desde hotéis abandonados até terrenos baldios. Mas por enquanto, fiquemos com som, muito som, que foge completamente de rótulos.

——

Festival Novas Frequências 2ª edição

Data: 4 a 9 de dezembro 2012

Local: Oi Futuro Ipanema

Endereço: Rua Visconde de Pirajá, 54 / 3ºandar – Ipanema

Horário dos shows dos dias: 21h (os shows no sábado, dia 8, e no domingo, dia 9, começam as 20:00)

Entrada: R$15 (meia entrada: R$ 7,50)

Capacidade: 130 lugares

Classificação: Livre

Informações: 031 (21) 3201-3010

 

Festival Novas Frequências Edição São Paulo

Data: 8 de dezembro 2012

Local: Beco 203

Endereço: Rua Augusta, 609 – Consolação

(011) 2339-0358

Horário dos shows: 18:00 h

Entrada: R$ 160,00 (R$ 80,00 – meia entrada)


++ MÚSICA

INSPIRAÇÕES #NOOMAG