Do Rio para o mundo, uma plataforma de opiniões, sempre em busca

Nós agora andamos em bloco

negocada-585

Fotos: Marcela Falci – Fantasias: Negoçada @negocada_carnaval

Muitas mulheres acabam sendo jogadas para o feminismo, assim, abruptamente. Não é um processo, é uma ruptura. É aquele primeiro abuso, cujos relatos inundaram a internet há um tempo. O personagem por trás dessa sombra macabra que habita o imaginário feminino, desde que nos entendemos por gente, assume muitas formas: aquele tio gente boa; o colega “inocente” da escola; o vizinho tarado; o rapaz que faz gestos libidinosos na rua. E são tão iminentes que fazem com que o nosso se relacionar com o corpo, seja, desde o princípio, calcado pelo medo. Temos medo do que nosso corpo pode suscitar no outro. Queremos negá-lo, escondê-lo. Usamos armaduras para sair de casa (quem já usou sutiã com aro sabe bem do que estou falando).

Para mim, felizmente (e bem por pouco), o feminismo não nasceu dessa ruptura. Ele foi crescendo em mim de uma forma muito tranquila e gostosa. Cresceu quando me vi envolta em uma grande rede de sororidade, empatia, e reconhecimento mútuo. Quando vi minhas amigas, em menor escala, se vendo umas nas outras, se colocando, se defendendo; quando, em maior escala, vi mulheres ocupando o espaço público, se mobilizando, bradando “Ni Una Menos”, protestando contra um presidente misógino (Trump ou Temer, pode escolher), e inclusive, convocando uma greve internacional. Apesar da brutalidade das histórias que as impulsionaram, como foi o caso da jovem Lucia Perez, as imagens são belíssimas.

Mas o feminismo não é só uma grande comunhão feminina, mas também autoconhecimento. O autoconhecimento talvez seja a única forma de conhecimento verdadeira, e por isso, é imprescindível. “Conhece-te a ti mesmo”. Um postulado tão simples e intuitivo para a cultura ocidental masculina: estava escrito no oráculo de Delfos e é atribuído a – sem nenhuma surpresa – um homem. Vi mulheres se descobrindo. E também compartilhando suas descobertas com as demais, sem medo, vergonha ou pudores. Vi grupos trocando informações sobre o revolucionário “copinho” e sobre masturbação. O clitóris não é mais um mito.

fantasiafemi_interna

Todos esses fatores fizeram com que o feminismo melhorasse significativamente não só meu convívio com outras mulheres, mas também meu relacionamento com meu próprio corpo. Ele não só não é mais um grande desconhecido para mim, como até, depois de tanta convivência, acabei por tomar gosto.

Agora chega desse texto autocentrado. Vamos falar de você. Vai, mulher. Aproveita a deixa. É carnaval, coloca o corpo no bloco e o bloco na rua, se enche de purpurina, mostra a que veio. Você é incrível. E nem adianta dizer que digo isso pra todas, porque digo mesmo.

INFOCHPDPICT000063837838

 

Subscribe
Giulia Rosa
Alice Bento
Alice Bento
Ana Clara Abreu
Ana Clara Abreu
Ana Elisa Bekenn
Ana Elisa Bekenn
André Fran
André Fran
André Pereira
André Pereira
Ane Vaz
Ane Vaz
Arturo Edo
Arturo Edo
Beatriz Medeiros
Beatriz Medeiros
Betina Monte-Mór
Betina Monte-Mór
Betina Sanches
Betina Sanches
Bruna Lima
Bruna Lima
Carlos Machado
Carlos Machado
Christian Dechery
Christian Dechery
Clarice Rios
Clarice Rios
Clariza Rosa
Clariza Rosa
Cláudio Franco
Cláudio Franco
Constanza de Córdova
Constanza de Córdova
Dadi Carvalho
Dadi Carvalho
Denise Calasans Gama
Denise Calasans Gama
Eduarda Vieira
Eduarda Vieira
Érika Nunes
Érika Nunes
Ernesto di Gois
Ernesto di Gois
Evans Queiroz
Evans Queiroz
Fabiana Pinto
Fabiana Pinto
Fabrício Andrade
Fabrício Andrade
Fê Carvalho Leite
Fê Carvalho Leite
Fernanda Cintra
Fernanda Cintra
Fernanda Sigilão
Fernanda Sigilão
Fernando Ferreira
Fernando Ferreira
Gabi Monteiro
Gabi Monteiro
Gabriel Vasconcellos
Gabriel Vasconcellos
Gabriela Munhoz
Gabriela Munhoz
Gabriela Bispo
Gabriela Bispo
Gabriel Cortês Lopes
Gabriel Cortês Lopes
Giulia Rosa
Giulia Rosa
Giuline Bastos
Giuline Bastos
Helena Gusmão
Helena Gusmão
Ingrid Esser
Ingrid Esser
Isabela Peccini
Isabela Peccini
jeff oliveira
jeff oliveira
Jéssica Delgado
Jéssica Delgado
Joana Nabuco
Joana Nabuco
Jóta Stilben
Jóta Stilben
Julia Favero
Julia Favero
Julia Pitaluga
Julia Pitaluga
Julia Karam
Julia Karam
Juliana Perez
Juliana Perez
Juliana Ricci
Juliana Ricci
Kamila Lima
Kamila Lima
Laila Hallack
Laila Hallack
Larissa Abbud
Larissa Abbud
Laura Borba
Laura Borba
Luciana Guilliod
Luciana Guilliod
Luti Guedes
Luti Guedes
Maria Theresa Cruz Lima
Maria Theresa Cruz Lima
Gabi Alkmim
Gabi Alkmim
Mariana Ferrari
Mariana Ferrari
Mariane Sanches
Mariane Sanches
Mary Olivetti
Mary Olivetti
Mateus Habib
Mateus Habib
Matheus Martins
Matheus Martins
Nathalia Oliveira
Nathalia Oliveira
Nicholas Freeman
Nicholas Freeman
Nuta Vasconcellos
Nuta Vasconcellos
Paula Bohm
Paula Bohm
Paula Freitas
Paula Freitas
Paula Rosa
Paula Rosa
Pedro Mib
Pedro Mib
Pedro Nascimento
Pedro Nascimento
Pedro Willmersdorf
Pedro Willmersdorf
Pedro Vianna
Pedro Vianna
Priscilla Brossi
Priscilla Brossi
Rachel Schramm
Rachel Schramm
Renan Berlitz
Renan Berlitz
Rick Yates
Rick Yates
Silva
Silva
Vanessa Verthein
Vanessa Verthein
Victor Takayama
Victor Takayama
Vitória Liao
Vitória Liao
Wendy Andrade
Wendy Andrade
William Anseloni
William Anseloni

TODO MUNDO NOO